Gulbenkian Música
PesquisarOpções de Pesquisa
English
Biografias
Nuno Dias
JPEG 676×600 pixels
8-bit / 50,216 bytes
Nuno Dias
Baixo

Nuno Dias licenciou-se em Canto na Universidade de Aveiro External Link, na classe de Isabel Alcobia. Estudou também com Alan Watt, na Royal Scottish Academy, em Glasgow. Em 2007 foi galardoado com o 3º Prémio do Concurso Nacional de Canto Luísa Todi. Trabalha regularmente com Michael Rhodes desde 2008.

Como solista, tem-se apresentado em concerto com as várias orquestras nacionais, interpretando obras de referência do repertório coral-sinfónico. Destaca-se a sua participação no Requiem de Mozart, no âmbito dos “Dias da Música” no Centro Cultural de Belém External Link.

No Teatro Nacional de São Carlos External Link integrou os elencos das óperas Gianni Schicchi de Puccini (Simone), Carmen de Bizet (Zuniga), Blue Monday de Gershwin (Mike), Banksters de Nuno Côrte-Real (Presidente) e Dona Branca de Alfredo Keil (Dom Payo Peres). Noutros palcos, em Portugal e no estrangeiro, atuou em Rigoletto de Verdi (Sparafucille e Conde Ceprano), A flauta mágica de Mozart (Sarastro), Così fan tutti de Mozart (Don Alfonso), La bohème de Puccini (Colline), Tannhäuser de Wagner (Reinmar), Carmen de Bizet (Escamillo), Os sete pecados mortais de K. Weill (Mãe), Evgeni Onegin de Tchaikovsky (Capitão), com o Coro e a Orquestra Gulbenkian, Amazonas de Tato Taborda (o Político), com apresentações em Munique e São Paulo, e The Boatswanes´s mate de Ethel Smyth (Travers).


23 Maio 2013


Partilhar no Facebook Imprimir Pesquisar Nuno Dias
Fundação Calouste GulbenkianPartilhar no FacebookSiga-nos no Twitter