Mats Ek
JPEG 328×480 pixels
24-bit / 26,211 bytes

Mats Ek
Coreógrafo

MATS EK nasceu na cidade sueca de Malmö, em 1945. Apesar de ser o filho mais novo de Birgit Cullberg a dança não o atraiu ao longo da sua infância. Só aos dezassete anos, e como consequência de uma participação num curso de dança moderna com Donya Feuer, Mats Ek dedicou mais tempo a esta arte. Em Estocolmo, estudou com a referida professora entre 1962 e 1965. No entanto em 1965 decidiu optar pelo teatro e ingressou na Escola de Arte Marieborg, em Norrköping, Suécia. A partir de 1966, e até 1973, trabalhou como encenador no Teatro das Marionetas e no Teatro Real de Estocolmo. Entretanto, no ano de 1972, decide retomar a actividade ligada à dança e um ano mais tarde ingressa no Ballet Cullberg. Posteriormente integraria os elencos da Ópera do Reno em Düsseldorf-Duisburg e do Nederlands Danstheater. A sua primeira coreografia, The Officer's Servant, data de 1976. Desde então a sua colaboração enquanto coreógrafo convidado tem-se estendido a muitas das mais prestigiadas companhias de dança mundiais como o Ballet Cullberg, o Nederlands Danstheater, o Ballet du Grand Théâtre de Genève, o Ballet Nacional da Finlândia, o Stuttgart Ballet, The Metropolitan Opera de Nova Iorque, o Ballet da Opéra de Paris, o Ballet de Hamburgo, o American Ballet Theatre, a Compañia Nacional de Danza em Madrid, etc. Entre as quase três dezenas de coreografias de sua autoria, algumas têm sido produzidas para televisão, destacando-se as versões dos clássicos Giselle e O Lago dos Cisnes. Depois de ter exercido, conjuntamente com sua mãe, o cargo de co-director artístico do Ballet Cullberg, Mats Ek veio a assumir sozinho essa mesma responsabilidade, entre 1985 e 1993. Antes de Solo for Two, o Ballet Gulbenkian dançou Old Children de Mats Ek.

20 Janeiro 2002
Imprimir  Imprimir


Serviço de Música Fundação Calouste Gulbenkian